VIDAS SECAS

Quando:
10/05/2018@20:00
2018-05-10T20:00:00-03:00
2018-05-10T20:15:00-03:00
Onde:
Espaço Kahal (Jundiaí)
Rua Emile Pilon
n° 234
Vila Arens – Jundiaí-SP
Custo
R$ 50,00 (inteira) - R$ 18,00 (pacote escolar)

NOVAMENTE EM JUNDIAÍ, A CIA REALCE APRESENTA SUA ADAPTAÇÃO DE “VIDAS SECAS”, DESTA VEZ NO ESPAÇO KAHAL 

LEITURA FUVEST 2019

VIDAS SECAS, ganhará os palcos do moderno Espaço Kahal, em Jundiaí, no dia 10 de Maio. A peça é baseada na obra literária de Graciliano Ramos, que é leitura FUVEST 2019. O atores da Cia. Realce de São Paulo (mesmo grupo responsável pelas adaptações teatrais de “Memórias Póstumas de Bras Cubas”, “Memórias de Um Sargente de Milícias” e “Dom Casmurro”), abusam da expressão corporal, da trilha sonora e da iluminação, para manter fidelidade a descrição poética de algumas situações e reações criadas pelo autor dessa obra literária. De volta a Jundiaí, esse ano a Cia Realce apresentará sua adaptação da obra literária de Graciliano Ramos, desta vez no Espaço Kahal, localizado na Vila Arens em Jundiaí. O Espaço conta com ar condicionado, local para desembarque de alunos na frente do espaço e som e luz de excelente qualidade.

Sipnose: A história narra a trajetória de uma família nordestina, vivendo todos os efeitos provocados pelo drama da seca. Fabiano é o personagem central, o pai de família que migra com a mulher – Sinhá Vitória, os dois filhos famintos e a cadela de estimação, de nome Baleia, que tem a importância dos familiares na trama. Entre os muitos valores atribuídos à esta importante obra literária de Graciliano Ramos, está o registro dos sonhos das personagens principais, em relação a mudança de vida no tocante a muitas injustiças sociais. Nesta montagem, a novidade é a presença da personagem da cachorra Baleia, vivido por uma atriz através de muito trabalho de expressão corporal.

Proposta pedagógica: Graciliano Ramos está entre os autores sempre indispensáveis, como referência de nossa literatura, para o ensino médio. Não raramente, está quase todos os anos na lista das leituras obrigatórias dos principais vestibulares. Além disso, o livro “Vidas Secas”, trata o drama da seca nordestina por uma visão peculiar do autor, capaz de mostrar sob certo aspecto, das desigualdades sociais e do abuso de poder. Ainda sobre o autor, pode-se dizer que uma de suas características é o uso de uma linguagem precisa, de poucos adjetivos e clara preocupação com problemas sociais, por isso sua obra é considerada como exemplo da abordagem da literatura como instrumento de conhecimento e modificação da realidade, característica da segunda geração de modernistas.

 

Ficha técnica:

  • Adaptação: livre de Augusto Valente
  • Direção: Maithê Alves
  • Produção: Iraci Batista e Marco Bueno

Informações:

  • Data: 10/maio
  • Local: Espaço Kahal (Rua Emile Pilon, n° 234 – Vila Arens – Jundiaí)
  • Horários: 8h30 e 20h00
  • Valor do ingresso: Inteira: R$ 50,00 | Meia entrada: R$ 25,00 | PACOTE ESCOLAR: R$ 18,00 – somente para grupos com reserva antecipada com a produção:  11 98603-7262 e 11 99868-1371

Escolas, professores e alunos: Garantam já seus ingressos pelo valor promocional do pacote escolar, fazendo reserva antecipada com a produção. Ingressos limitados a disponibilidade do teatro.